O Que é um Desenvolvedor Full-Stack? Um Guia para o Desenvolvimento Full-Stack

Pode não ser tão divertido e atraente como mergulhar direto no Javascript, mas ter uma boa base sobre os fundamentos (texto do autor em inglês) do que faz a web será a chave para começar com o pé direito. Pode ser bastante tentador querer mergulhar a fundo e tratar de todo o espectro de um desenvolvedor full-stack, mas há algo que precisa ser dito sobre foco. É a base curso de cientista de dados da expressão “jack of all trades, master of none” (algo como “pau para toda obra, mestre de nada” em tradução livre), em que você tenta aprender um pouco de cada parte do full-stack, mas nunca domina nada de verdade. Outros, como o S3, deixam você despejar HTML, CSS, JS, imagens e qualquer outro recurso estático no armazenamento e servir o site diretamente neles.

Considere um desenvolvedor de back-end criando uma API para permitir que alguém gerencie usuários em uma aplicação. Os requisitos da API são bastante enxutos e incluem apenas o nome do usuário. Dada a febre do serverless, surgiu o framework serverless para gerenciar muito disso para você de uma maneira mais fácil, o que levou a AWS a criar sua própria solução, o SAM. Ferramentas como o Jenkins já existem há algum tempo para parte do CI/CD, mas agora estamos vendo o GitHub, o GitLab e outros provedores de controle de versão fornecerem suas próprias soluções. Vemos também ferramentas, como o CircleCI, que se conectam diretamente ao seu projeto.

O que faz um desenvolvedor full stack?

Que aparência você espera que uma aplicação tenha ao fornecer funcionalidades semelhantes? Isso não é licença para copiar ou roubar, mas é bom entender as necessidades que a solução está resolvendo. Reflita no motivo do botão Adicionar ao Carrinho ser tão grande, por que estão deixando os usuários darem zoom em uma foto de produto ou como você pode tornar o design de uma tabela um pouco mais utilizável. Todos no processo de desenvolvimento estão trabalhando em direção a uma meta que afeta um usuário final de uma forma ou de outra. Ser capaz de entender quais necessidades seu trabalho está tentando resolver e como isso afeta os usuários ajudará a equipe como um todo a desenvolver uma solução final mais abrangente.

full stack

Dessa forma, é importante saber se comunicar bem e ter uma boa habilidade de trabalho em equipe. É esperado que profissionais saibam lidar com os diversos perfis de pessoas. Uma das desvantagens apresentadas na tabela vem do fato de, na maioria das vezes, a pessoa full stack ter um conhecimento generalista e, consequentemente, não ter uma visão tão específica em alguma área do desenvolvimento.

Curso Logica de programação

Imagine ser capaz de criar uma aplicação web completa do início ao fim, incluindo a interface do usuário, a lógica do lado do servidor e a integração com banco de dados. MongoDB é uma ferramenta de banco de dados que os desenvolvedores usam para aplicativos web. Ao contrário de Oracle e MySQL, MongoDB não usa SQL, então você não precisará aprender como usar SQL para usar MongoDB.

Em programação, uma stack é um conjunto de tecnologias que são utilizadas na criação de aplicações. Além disso, devs mobile também utilizam ferramentas específicas para o desenvolvimento de aplicativos que facilitam o processo, como o Xcode para o iOS e o Android Studio para o Android. As tecnologias utilizadas por devs mobile variam conforme o sistema operacional do dispositivo. Para o iOS, utilizam principalmente Swift e Objective-C, enquanto para o Android, Java e Kotlin são as linguagens mais utilizadas. Front-end e back-end são termos muito utilizados na área de desenvolvimento de software, e podem causar confusão em quem não tem familiaridade com esses conceitos. Para entender a diferença entre front-end e back-end, podemos fazer uma analogia com a construção de uma casa.

O que é Full Stack?

Com a sua linguagem de escolha e primeira função, tente começar a trabalhar com outros serviços dentro do seu código para adquirir experiência trabalhando com APIs de terceiros. Compreender o básico e o poder do CSS e como usá-lo em sua forma mais básica vai ajudar você a se preparar para utilizá-lo, https://jornalpequeno.com.br/2023/11/16/como-escolher-um-curso-para-trabalhar-com-desenvolvimento-web/ independentemente do framework. Iniciar um projeto com create-react-app ou Gatsby, inclusive, facilita a configuração de uma aplicação em React para que você esteja imediatamente pronto para mexer no código. Se você realmente está começando agora, dedique seu tempo a aprender o básico do HTML e CSS.

full stack

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Scroll to Top